18 de abr de 2012

Corrente Russa



Olá Dondocas!!

Hoje vamos falar sobre um poderoso aparelho, presente nas clínicas de estética, algumas clínicas de fisioterapia academias,  que é uma verdadeira arma contra a flacidez: a Corrente Russa.

Já ouviram falar? Então, leiam com atenção o artigo.

Na década de 80, foi verificado que os astronautas  russos, ao retornarem da missão espacial, sofriam de flacidez, atrofia, e fadiga muscular. Observando este quadro cientistas desenvolveram uma corrente excitomotora (Corrente Russa) para solucionar o problema no menor tempo possível. Após vários estudos, foi constatada uma melhora significativa nestes astronautas.

Hoje a corrente russa é muito utilizada para os tratamentos estéticos de flacidez muscular e modelagem corporal. O profissional capacitado para operar os aparelhos de corrente russa, realizará uma avaliação do paciente e indicará a intensidade certa da corrente para a contração muscular específica. É necessário estimular a contração os grupos musculares corretos, intensidade necessária e intervalo entre as contrações.

Um equipamento com tecnologia de ponta, adotada pelos maiores centros de estética do mundo. É indolor e extremamente eficiente no tratamento da flacidez, modelagem corporal e recuperação com aumento da força muscular. Não é uma ginástica passiva. O paciente participa ativamente do tratamento. É eficaz para homens e mulheres porque respeita a fisiologia muscular e o seu metabolismo, trabalhando as fibras vermelhas (tonicidade) e brancas (velocidade) proporcionando resultados rápidos e altamente satisfatórios.

A forma de usar a estimulação russa muda de acordo com a finalidade do tratamento, que é indicado para flacidez muscular dos glúteos, abdome, coxas, braços e até músculos faciais. Pode ser feito no pós-parto após emagrecimento, antes e depois de cirurgias plásticas. Em atletas recupera a força muscular, além de estimular o fluxo sangüíneo e linfático.

Para quem quer modelar o corpo através da estimulação russa é necessário que se faça uma atividade física aeróbica aliada ao tratamento para acelerar a queima de gordura localizada. Pois, o tecido adiposo é um fator de impedância à condutibilidade elétrica, portanto pode interferir no trabalho muscular exercido pela eletroestimulação. Por este motivo, em alguns casos, após uma avaliação são fundamentais orientações básicas sobre atividades físicas e nutrição. Desta forma a estimulação terá um melhor resultado, confira o antes e o depois aqui. Eletrodos são acoplados na pele, uma corrente elétrica aplicada de forma terapêutica, vai exercer a função de enrijecer e tonificar a musculatura.

Principais Indicações: Flacidez muscular (Facial e Corporal), melhora do fluxo sanguíneo e sistema circulatório.

N° de sessões: no mínimo 10

Duração de cada sessão: aproximadamente 30/40min







Clique na imagem e conheça o Espaço Estética & Bem Estar



Nenhum comentário:

Postar um comentário